Ex-comissário da American Airlines que filmou adolescente em banheiro em voo para Boston é preso

Um ex-comissário de bordo da American Airlines acusado de filmar uma adolescente no banheiro de um avião em um voo para Boston no ano passado foi preso, anunciou o Gabinete do Procurador dos EUA para o Distrito de Massachusetts.

Notícia Ex-comissário da American Airlines que filmou adolescente em banheiro em voo para Boston é preso

O incidente aconteceu em setembro do ano passado. Estes Carter Thompson III, de 37 anos, de Charlotte, Carolina do Norte, trabalhava no voo que tinha como destino a cidade de Boston.

O Ministério Público dos EUA disse que Thompson foi levado sob custódia na Virgínia e acusado de tentativa de exploração sexual de crianças e uma acusação de posse de pornografia infantil.

O Ministério Público dos EUA delineou as acusações contra Thompson, dizendo que ele supostamente escondeu seu iPhone sob adesivos dentro da tampa de um vaso sanitário para conseguir filmar a adolescente.
A menina de 14 anos percebeu o telefone escondido e tirou uma foto do aparelho no assento do vaso sanitário e depois mostrou a foto aos pais, que, segundo as autoridades, relataram o problema a outros comissários de bordo.

Uma investigação começou assim que o avião pousou em Boston e as autoridades disseram que o telefone do comissário pode ter sido restaurado para as configurações de fábrica e as imagens não foram encontradas na memória.

Porém, enquanto a investigação continuava, as autoridades disseram que pesquisaram a conta iCloud de Thompson e encontraram quatro casos adicionais entre janeiro e agosto de 2023 nos quais Thompson registrou menores usando o banheiro de uma aeronave.

Os investigadores também encontraram centenas de imagens de pornografia infantil gerada por Inteligência Artificial e mais de 50 outras imagens de um menor de nove anos.

Agora acusado, as autoridades disseram que Thompson deverá comparecer ao tribunal federal de Boston em uma data ainda a ser definida.

A American Airlines disse que o comissário foi demitido após o incidente de setembro e disse em comunicado após a prisão do agora ex-comissário, que a conduta do ex-colaborador não reflete a companhia aérea ou sua missão principal de cuidar das pessoas. Disse ainda que tem cooperado totalmente com as autoridades policiais em sua investigação.

Share this post :

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

Create a new perspective on life

Your Ads Here (365 x 270 area)
Mais notícias
Categories

Subscribe our newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.